terça-feira, 4 de abril de 2017

1º LOUVORZÃO A DEUS NA ASSEMBLEIA DE DEUS NOVO MINISTÉRIO - VEJAM

A Igreja Evangélica Assembleia de Deus Novo Ministério congregação do bairro Alto da Pelônia, estará no próximo dia 15 de Abril em um sábado, realizando seu primeiro LOUVORZÃO A DEUS do Ministério, segundo o coordenador e pastor da congregação Moisés Targino, o trabalho será voltado diretamente para os jovens da comunidade resgatando almas para JESUS.

Pr. Moisés comentou ainda que outros ministérios da cidade de Mossoró estarão cooperando todos os meses com seus levitas e bandas musicais no decorrer dos meses, pois o louvorzão será todo (Segundo Sábado de cada mês) para honra e Gloria de Jesus (comentou Pr. Moisés).

Breve divulgaremos os cantores e bandas aqui neste blog.




Fonte: ADNM/Mossoró

sábado, 1 de abril de 2017

Pastora Sarah Sheeva anuncia que ensinará “como deixar de ser cachorra” em curso para mulheres


A pastora Sarah Sheeva é conhecida por sua extravagância e palestras que decidiu chamar de “Culto das Princesas”. Agora, ela decidiu oferecer um curso com técnicas para as mulheres que querem “deixar de ser cachorras”.
As aulas sobre “como deixar de ser cachorra” foram anunciadas pela cantora e pastora em seu perfil no Instagram. A justificativa da pastora é que existem mulheres que precisam de orientações sobre como se portar na busca por um marido.
“Vamos aprender mais sobre como deixar de ser ‘cachorra’ e se tornar Princesa! Vou rasgar o verbo lá! Vamos rir, chorar, conversar, e adorar muito a Deus! E lembrem-se: é proibida a entrada de homens (e meninos acima de 2 anos)”, escreveu Sarah Sheeva.
As aulas do curso para “deixar de ser cachorra” têm previsão de início para o dia 12 de abril, “somente para mulheres que ainda não são casadas”. Na prática, essa é a nova temporada do “Culto das Princesas” lançado há alguns anos: “No final abrirei para responder perguntas […] Peço que não façam caravanas, pois o espaço onde será realizada ainda não é grande”, frisou.
Para evitar mal-entendidos, Sarah Sheeva salientou que o curso não será cobrado: “A entrada é franca! Não haverá inscrição por enquanto. Vai ser tremendo!”, concluiu.

O Rico e Lázaro: atriz Milena Toscano diz que trabalhar na novela bíblica a ensinou fortalecer a fé


A novela o Rico e Lázaro, da Record TV, vem na esteira do sucesso de outras duas superproduções da emissora, com temática bíblica, e causou um impacto na vida da atriz Milena Toscano, que interpreta a protagonista.
A história contada em O Rico e Lázaro compreende um período de opressão ao povo hebreu pelos babilônios, e a personagem Joana tem uma postura que chamou atenção da atriz: “Ela é uma mulher de uma fé inabalável, de uma luz espetacular, uma personagem cheia de vida, cheia de força”, afirmou Milena.
A personagem é uma jovem que desde a infância é admirada por dois amigos, Asher (Dudu Azevedo) e Zac (Igor Rickli), e na fase adulta, se torna alvo de uma disputa entre os dois. Essa narrativa serve de pano de fundo para que a novela fale sobre a parábola de Jesus do rico e Lázaro, e também conte um período de exílio do povo hebreu.
“Ela fica entre esses dois homens, mas nenhum deles têm fé. E isso pra ela é inquestionável. Acho que quem tiver mais fé, vai levar a Joana”, comentou a atriz, de acordo com informações do Purepeople, dando palpite sobre os rumos da história.
Para além das questões de novela, Milena Toscano – que já passou pela Globo – disse ter aprendido muito com a personagem sobre o zelo para com a Palavra de Deus e a importância da fé no cotidiano: “Sou uma pessoa de muita fé, mas a Joana tem me ensinado cada vez mais. Acho que a fé é algo que você tem que trabalhar e praticar todo dia”, resumiu.
Exemplificando como a fé pode interferir na realidade, a atriz disse que coisas simples podem adquirir uma proporção motivacional enorme: “Um sorriso, um ‘bom dia’, ‘boa tarde’, ‘boa noite’, uma palavra de carinho às vezes pode mudar o dia de uma pessoa. E, para mim, isso é trabalhar a fé diariamente. Já me peguei reclamando de bobeira da minha vida e lembro que tem gente sofrendo mais do que eu. Isso acaba mudando o seu dia”, afirmou.

Transformações

As novelas da Record têm representado, para a emissora, um marco no departamento de teledramaturgia, e dado os sucesso de audiência e bilheteria, no caso do filme Os Dez Mandamentos, lucros.
Porém, alguns dos atores que trabalham nessas produções terminam tendo suas vidas impactadas pelas histórias, uma vez que para compreender o contexto, vão estudar a Bíblia Sagrada.
À época do lançamento da novela A Terra Prometida, a atriz Nívea Stellmann afirmou que a personagem dela, Noemi, esposa de Calebe, renovou sua fé.
“Sempre fui uma pessoa de muita fé. Sempre tive Deus em primeiro lugar na minha vida, mas devo confessar que a Noemi renovou a minha fé. Por causa dela, passei a ler a Bíblia e tenho sentido melhoras pessoais em todos os sentidos. Estou cada vez mais próxima de Deus”, disse.

Por falta de padres, papa Francisco considera ordenar homens casados para o sacerdócio

Pontífice quer suprir a falta de padres católicos em regiões remotas do mundo, autorizando a ordenação de homens casados para o sacerdócio em nome da Igreja Católia


O novo destaque envolvendo o papa Francisco foram suas declarações em uma entrevista concedida ao jornal alemão Die Zeit, na última quinta feira (9). Para o pontífice argentino, que sofre críticas de segmentos da própria religião, a Igreja Católica deveria passar a considerar ordenar homens casados para o sacerdócio, mais especificamente, os “viri probati”.
A intenção, todavia, não seria extinguir por completo a tradição do celibato dos padres, mas considerar digno de exercer algumas funções vinculadas ao sacerdócio, homens considerados de “fé comprovada”, com capacidade para tal ofício, chamados “viri probati”.
A medida, segundo informações do Estadão, seria para suprir a falta de padres na Igreja Católica, especificamente em regiões distantes.
“Também devemos determinar quais seriam suas funções, por exemplo, em localidades remotas”, disse Francisco na entrevista, sugerindo que tal medida decorre de uma crise espiritual a Igreja Católica atravessa.
“Na vida humana acontece assim. O crescimento biológico sempre é uma crise, não? A crise de uma criança que se torna adulta. Com a fé é o mesmo. A crise faz parte da vida de fé. Uma fé que não entra em crise para crescer, permanece infantil”, disse ele.
O papa Francisco que foi recentemente criticado publicamente em uma manifestação pelas ruas de Roma, com cartazes contra algumas de suas medidas consideradas muito liberais, pode iniciar outra onda de insatisfação após sugerir a ordenação de homens casados para o sacerdócio, muito embora o tema já tenha sido discutido por outros Papas, como Bento XVI.
A expectativa, no entanto, é que sua intenção encontre apoio no Vaticano, como do amigo pessoal e cardeal dom Claudio Hummes, que ainda segundo a matéria alemã já vinha pressionando a cúria romana para autorizar a ordenação dos “viri probati” em regiões como no Amazonas, onde a Igreja Católica possui apenas um padre para cada 10 mil católicos.

Ministério Público quer garantir o caráter “ecumênico” dos templos construídos pela Igreja Universal em presídios do Rio

Ministério Público do Rio vai apurar se a construção de templos pela Igreja Universal em presídios do Rio é legal e favorece também a outras religiões. Líderes de outras religiões questionam a validade do acordo e dizem que é uma "violação do Estado laico"


Como noticiamos no dia 22 de março, a Igreja Universal do Reino de Deus conseguiu autorização da Prefeitura do Rio de Janeiro para construir 43 templos em presídios do Estado. Procurada, a Prefeitura esclareceu que nenhuma verba pública será utilizada nas construções, e que os templos poderão ser utilizados por outras religiões, pois seriam espaços “ecumênicos”, embora financiados pela Igreja Universal.
Todavia, também prevemos que a iniciativa, apesar de positiva no âmbito social, poderia gerar críticas de alguns setores, devido o caráter religioso vinculado ao poder público. Previsto e acontecido! Segundo uma matéria publicada pelo jornal O Globo, a Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Sistema Prisional e Direitos Humanos do Rio de Janeiro, abriu uma investigação para apurar a legalidade do acordo entre a Universal e a Prefeitura.
Ao que parece, o principal questionamento é como a parceria foi estabelecida. Isto é; se contou ou não com o conhecimento de outros segmentos religiosos. Por outro lado, é possível imaginar que a iniciativa da Universal tenha despertado o interesse de outros segmentos somente após o acordo, visto que as queixas deram início com a inauguração dos dois primeiros templos, um na Cadeia Pública Joaquim Ferreira e outro no Instituto Penal Plácido de Sá Carvalho, ambos no Complexo de Gericinó, em Bangu.
“Não sabemos como foi feito esse acordo e o que ele inclui. Não participamos disso. Para mim, a maior dificuldade é como organizar o espaço desses lugares para o atendimento de todas as religiões. São quase oitenta entidades inscritas para levar a Palavra de Deus aos presos e se não for algo organizado de forma bem feita, cria um problema”, disse o Cônego Manuel Manangão, da Arquidiocese do Rio.
Para o Babalorixá Ivanir dos Santos, a autorização é uma decisão que privilegia a Igreja Universal:
“Isso é uma violação do Estado laico. Você não pode construir um templo religioso dentro de um complexo de prédios públicos. Além disso, como é possível te um templo ecumênico sem conversar com outras religiões? Havia representantes de outras religiões? Isso não foi conversado. Não sou contra a assistência aos presos. Mas não pode haver privilégios dentro de um espaço público como é o caso.”, disse ele.
De acordo com a Secretaria de Administração Pública (Seap), o objetivo da construção dos templos é para facilitar a ressocialização dos presos e a responsabilidade pela utilização dos mesmos fica a critério dos diretores dos presídios, podendo ser concedida a outras religiões. Contudo, é inegável que a Universal deve realizar trabalhos frequentes, visto que a concepção do projeto partiu dela, o que pode caracterizar maior uso dos espaços.

Deputado inicia campanha de 7 voltas no Congresso para derrubar a corrupção no Brasil

O deputado federal Cabo Daciolo (PTdoB-RJ) se inspirou em Josué e a derrubada dos muros de Jericó para fazer um combate à corrupção e iniciou uma campanha com sete caminhadas em volta do Congresso Nacional.
Benevenuto Daciolo, cabo do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, é uma das figuras mais polêmicas da bancada evangélica. Sem acusações de corrupção ou desvio de recursos, o parlamentar cumpre seu primeiro mandato, com episódios icônicos, como por exemplo, a proposta da PEC de Deus.
Eleito pelo coeficiente eleitoral em 2014, foi perseguido pelo PSOL após insistir em mudar o texto da Constituição Federal para dizer que “todo poder emana de Deus”, ao invés “do povo”, como é hoje.
Há exatamente um ano Daciolo fez um discurso na tribuna do Plenário da Câmara em que “expulsou demônios” da TV Globo e do Congresso. “Todos os demônios que cercam essa nação, saiam dessa nação. Em nome do Senhor Jesus. Todos os demônios que cercam o Congresso Nacional, saiam em nome do Senhor Jesus”, disse à época, na tribuna.
Em seu anúncio da campanha de sete voltas em torno do Congresso Nacional, Daciolo convocou os seguidores de sua página no Facebook a participarem da iniciativa, através de jejum e oração.
“Hoje iniciamos a nossa caminhada de fé em torno do Congresso Nacional. Serão sete dias consecutivos, sendo que no sétimo dia, 5 de abril, quarta-feira, daremos sete voltas completas em torno do Congresso Nacional. Deus vai nos dar a vitória. Junte-se a nós em Jejum e Oração. Somos a igreja do Senhor”, convidou o parlamentar.
No vídeo abaixo, Daciolo cita o relato do Velho Testamento sobre a queda das muralhas de Jericó e diz que seu gesto é simbólico, mas que tem como objetivo expulsar o “demônio da corrupção”: “Eu sirvo um Deus das causas impossíveis”, disse ele, momentos antes de começar a caminhar.
“Pode até parecer loucura… eu creio que o gigante da corrupção vai cair por terra”, afirmou, repreendendo satanás.

Fonte: https://noticias.gospelmais.com.br/deputado-campanha-7-voltas-congresso-corrupcao-89685.html

Culto de Gratidão pelo aniversário do Pastor Djailton Silva - Vejam




Acontecerá neste terça-feira dia (04), o culto de gratidão pela passagem do aniversário do Pastor Djailton Silva da cidade de Lajes Pintadas-RN.
Na oportunidade o Pastor Djailton estará homenageando diversos pastores que passaram pela Assembleia de Deus de Lajes Pintados. Serão homenageados os Pastores Ferreira, Nô, Jorge Guedes, Pedro Godim, Salatiel, Marroquinho, Enoque, Antonio Firmino, João Ricardo, Moreira e Silvio Alex.

Fonte: Blogo do Cleiton Albino


sexta-feira, 31 de março de 2017

II Celebrai Beneficente do FÉ e AÇÃO ! - Vejam

O projeto beneficente Fé e Ação estará promovendo próximo dia 08 de Abril o seu II Celebrai Beneficente, o projeto tem como finalidade alcançar  famílias carentes de comunidades esquecidas pelo poder público e a sociedade. No evento também será comemorado o 5º ano de  vida do Projeto Fé e Ação.

Conforme o cartaz estarão colaborando as bandas Davis de Cristo, Ministério Redimidos e Ministério Rherma.




Fonte> Fé e Ação
Mostrar mais reaçõe

segunda-feira, 27 de março de 2017

Ofertante anônimo quita dívida de US$ 4 milhões e livra igreja de problemas com banco

Uma oferta generosa e anônima se tornou notícia recentemente depois que os detalhes foram revelados à imprensa. Uma igreja centenária devia US$ 4 milhões de um empréstimo e o banco informou que os valores haviam sido quitados completamente, de forma antecipada, por um benfeitor.
A First African Baptist Church em Sharon Hill, no condado de Delaware, Pensilvânia (EUA), havia feito um empréstimo vultoso com o Citizen Bank, no modelo de hipoteca, dando a propriedade onde está o templo como garantia de pagamento.
Fundada em 1903, a denominação cresceu ao longo dos últimos 114 anos em tamanho de membros e também ampliou seu templo. O pastor Richard Dent informou à emissora Fox 29 que, apesar de a situação financeira não ser crítica, as despesas da igreja são altas, o que exige grande cuidado com as contas.
“Recebemos um telefonema do Citizens Bank, que dizia: ‘Sua hipoteca está paga’. Isso é uma bênção. É inesperado, mas não podemos deixar de dar o crédito disso ao Senhor Deus. Isso não poderia ter sido feito sem Ele”, disse o pastor à emissora de TV.
O pastor explicou que, muitas pessoas, ao olharem para uma igreja, não têm noção de quantas despesas estão inerentes à manutenção do templo. A administração da igreja inclui o pagamento de contas de água, luz, ar-condicionado nos meses de verão e aquecimento nos meses de inverno, entre outras coisas.
Quando foi à agência e confirmou que a hipoteca da igreja estava completamente quitada, o pastor Richard Dent reuniu os membros da igreja e queimou o documento do empréstimo, comemorando a quitação da dívida.
Pastor queima o contrato de empréstimo durante celebração no templo

Referência

“Na comunidade negra, a igreja é a única coisa que sempre tivemos para chamar de nossa”, disse o pastor. “Quando não podíamos ir ao Centro Cívico ou à Liga da União, sempre tínhamos a igreja. É aqui onde os nossos filhos aprendem a se desenvolver, a falar diante do público”, acrescentou, sublinhando o importante papel social que a igreja cumpre.
Richard Dent sabe que sua responsabilidade à frente da igreja é conservar o legado construído ao longo dos últimos 114 anos: “Somos distintos porque temos o privilégio de estar na comunidade há muito tempo, e estamos muito, muito orgulhosos do que fazemos”.
Como a igreja é uma comunidade sem fins lucrativos, os valores que antes eram destinados ao pagamento do empréstimo, agora serão usados para comprar vans que serão usadas no transporte de membros da igreja, inclusive para consultas médicas. Outras iniciativas sociais também estão sendo planejadas

“Estou terminando a minha carreira”, diz pastor durante pregação, momentos antes de morrer

“Eu estou terminando a minha carreira”, dessa forma, um pastor evangélico faleceu enquanto pregava durante um culto na cidade de Avaré, interior de São Paulo.
O vídeo dos últimos instantes de vida do pastor se tornou viral recentemente, e o mostra falando sobre os filhos na fé que ele juntou ao longo de seu ministério, citando como exemplo a relação entre o apóstolo Paulo e Timóteo.
“Eu terminei minha carreira, guardei a minha fé, e agora estou esperando uma coisa, que o o justo juiz vai me dar! Essa coisa se chama coroa. Não só para mim, mas para todos que aguardam Sua vinda gloriosa”, afirma o pastor, identificado em alguns portais regionais como João Pires.
“Paulo tinha uma grande estima por Timóteo, que tinha aproximadamente 20 anos quando se tornou filho na fé do apóstolo Paulo. Esta estima eu tenho por todos vocês nessa noite […] Então, meus queridos, é a razão porquê nós estamos muito felizes”, acrescenta o pastor.
Pouco antes de encerrar seu sermão, ele elogia os filhos de um casal de membros da igreja, lembra da passagem bíblica em que Deus ordenou que Moisés jogasse sua vara para ela se transformar em serpente, e brevemente, antes de seu último suspiro, diz: “Aleluia, glória a Deus”.
As pessoas que participavam do culto correm para acudir o pastor e expressões de susto e lamento tomam conta dos presentes, antes do vídeo ser cortado. A morte de João Pires não tem data exata, mas os vídeos mais antigos na internet apontam para agosto de 2016.
Assista ao momento em que o pastor “termina sua carreira”:


Outro caso
Em novembro último, o pastor Edvaldo José da Silva, conhecido como “pastor Walmir”, faleceu durante um culto enquanto pregava. Ele sofreu um mal súbito e não resistiu.
Ele atuava como líder de um grupo de congregações da Assembleia de Deus Ministério Missão, em Arapiraca (AL). No dia em que faleceu, ele participava de um culto festivo na filial de Vila Bananeiras, zona rural da cidade.
De acordo com testemunhas, enquanto pregava, passou a sentir fortes dores no peito e chegou a ser socorrido à Unidade de Emergência Daniel Houly, mas os médicos pouco puderam fazer, de acordo com informações do Alagoas 24Horas.

Pastor é assassinado a tiros durante culto em congregação da Assembleia de Deus

Imagem mostra o corpo do pastor assassinado caído próximo à entrada do templo
Um culto na noite do último domingo, 26 de março, terminou com o pastor assassinado a tiros, dentro da igreja. O caso, registrado na cidade de Itaboraí (RJ), repercutiu na imprensa local e a Polícia Civil já investiga um suspeito.
O pastor Custódio Gonçalves, 57 anos, era o dirigente da Assembleia de Deus Ministério Apascentando Ovelhas. O templo, localizado no bairro Santo Antonio, em Manilha, estava cheio no momento do crime.
De acordo com informações do G1, um homem entrou no templo por volta das 20h30, enquanto o culto acontecia, e efetuou os disparos contra o pastor. A Polícia foi chamada, mas quando chegou, Custódio Gonçalves já estava sem vida.
A Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí assumiu a investigação do caso, mas ainda não sabe o que motivou o crime. Um suspeito foi preso nas primeiras horas dessa segunda-feira, 27 de março, e levado à delegacia para prestar depoimento.
A TV Globo noticiou que o delegado responsável não revelou detalhes sobre o depoimento do suspeito. Amigos e familiares do pastor disseram que Custódio Gonçalves trabalhava como Guarda Municipal de Itaboraí, cidade que faz parte da Região Metropolitana do Rio de Janeiro.
Nas redes sociais, fiéis da denominação dirigida pelo pastor, assim como amigos e familiares, prestaram homenagens a ele: “Que o Senhor receba o nosso irmão em seu reino e lhe dê paz e o merecido descanso”, escreveu um internauta.
“A certeza como cristã que eu tenho que um dia vamos todos se encontrar na cidade santa. Lá sim não haverá mais dor. Sim seremos eternamente felizes. Que Deus conforte o coração de todos e em breve estamos juntos na cidade santa, muito alegres”, afirmou outra usuária do Facebook.

Jogada de Mestre: Israel coloca Irã contra a parede e pede construção do Terceiro Templo

Israel ironiza e utiliza argumentos do ministro iraniano das Relações Exteriores contra ele mesmo, pedindo ajuda para construção do Terceiro Templo


Tudo começou com as declarações do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, e do ministro iraniano das Relações Exteriores, Javad Zarif, resultando em um desafio ousado de Israel, que em termos diplomáticos colocou o Irã contra a parede ao pedir que ajudasse o povo judeu a construir o profético Terceiro Templo. Vejam só! O maior inimigo declarado de Israel na atualidade seria capaz de fazer tal feito?
Durante a celebração do Purim, uma festa judaica que comemora a salvação dos judeus contra a perseguição do antigo Império Aquemênida, na Pérsia, atual Irã, o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu fez a leitura da Megilá, ou seja; do livro bíblico de Ester! Nesse momento, ele disse para algumas crianças na Sinagoga que “hoje, também, na Pérsia, estão tentando [nos matar], mas eles também não vão ter sucesso!”, se referindo ao Irã, que fevereiro ameaçou destruir Israel em apenas 7 minutos em um ataque nuclear.
Contrariado com a declaração de Netanyahu, o ministro iraniano das Relações Exteriores, Javad Zarif, disse em seu Twitter que ficou ofendido com a retratação do Irã como vilão da história. Para Zarif, as declarações do Ministro israelense são “uma falsa história e a falsificação da Torá”.
Citando uma interpretação distorcida do livro de Ester, Zarif disse que os persas já haviam salvo os judeus ao menos três vezes na história. Seu ponto “falho” na argumentação foi lembrar a Netanyahu que foi Ciro, um rei persa, que facilitou a construção do Segundo Templo, passando, assim, uma imagem mais colaborativa e apaziguadora entre os dois povos.
A corte rabínica de Israel não perdeu tempo e tratou logo de fazer uma carta para Zarif, com base em suas próprias palavras, para solicitar novamente a ajuda do Irã [Pérsia] na construção, dessa vez, do Terceiro Templo.
“Ficamos muito felizes em ouvir de sua referência ao capítulo maravilhoso e único na história da nossa nação, quando Ciro, rei do Império Persa, deu sua permissão para a construção do Templo em Jerusalém. Também é sabido que ele ajudou o projeto, devolvendo os objetos sagrados que foram tirados do Templo de Salomão pelo rei babilônico Nabucodonosor”, diz a carta, segundo a matéria publicada no Breaking Israel News
A carta fez uma associação direta com o exemplo citado por Zarif a respeito do Rei Ciro, representando uma verdadeira jogada de mestre diplomática; “Compreendemos por suas declarações que você apoia as ações do rei Ciro e que seu país apoia o estabelecimento de um Templo no Monte Moriá hoje. Convidamos você a iniciar um diálogo sobre isso. Ficaremos felizes em ouvir sua resposta a este convite.”, completa o documento.
Na prática, dificilmente o Irã atual vai cooperar com a construção do Terceiro Templo. As declarações e o envio da carta por Israel foi mesmo uma espécie de ironia diplomática para com a velha Pérsia de roupa nova.

domingo, 26 de março de 2017

09 Almas para JESUS - Projeto Fé e Ação / Assembleia de Deus Novo Ministério em Mossoró-RN - Vejam

O projeto Social Fé  Ação realizou no último sábado 25/03 na Assembleia de Deus Novo Ministério no Bairro Alto da Pelônia cidade de Mossoró-RN, um dia de ação social para toda comunidade. 
Ambos com suas equipes, coordenadora do projeto fé e ação irmã Ana Kelli juntamente com o pastor da congregação local Moisés Targino comandaram as ações que beneficiou dezenas de famílias carentes.

Pela manhã uma equipe de irmãs saíram para evangelizar por todo bairro, visitando e orando a Deus pelos enfermos, drogados entre outras situações.

Durante todo dia foram oferecidos; distribuição de sopão para todos, Bazar de roupas e calçados, consultas com nutricionista, corte de cabelo masculino, tratamento para cabelo feminino e manicure. 

Infelizmente por motivos superiores os demais serviços divulgados como médico e advogado não foram possíveis serem oferecidos, o  motivo, problemas de saúde de ambos os profissionais.

Durante a tarde houve apresentação da Banda do Ministério Rhemma,  cantor Francisco Neto e o cabeleireiro do projeto Fé e Ação que louvou a Deus com belo hino.

Logo a pós pastor Moisés Targino passou a palavra para a coordenadora do projeto Ana Kelli que prosseguiu com a poderosa palavra de Deus.

A pregadora oficial da tarde foi uma irmã integrante do projeto fé e ação que prosseguiu com a poderosa pregação da palavra de Deus mesmo debaixo de uma forte chuva, mesmo nestas condições de tempo, ao final dos trabalhos foram contabilizados com festa, 09 Almas para o reino de Deus. 

Logo abaixo vejam fotos:




 Pastor da congregação Moisés Targino e a coordenadora do Projeto Fé e Ação Ana Kelli com a palavra.

 irmã Ana Kelli com a leitura oficial da palavra de Deus.

 Cantor da ADNM Francisco Neto louvando a Deus com a banda do Ministério Rhemma.

 De costas pastor Moisés Targino e esposa Sheila Targino 


Cantor cabeleiro do Projeto Fé e Ação louva a Deus com belo Hino.

 Banda do Ministério Rhemma louva a Deus com belos hinos






 Mulheres da Equipe Fé em Ação de JOELHOS...preparadas para ganhar almas.

 Mesmo debaixo de forte chuva a Pregadora Oficial da tarde fala a pura verdade na palavra de Deus.
 Pessoas aceitam a Jesus com lagrimas no olhos.






 Equipe de evangelização de saída para evangelização em todo bairro.


 Equipe de Visitas em residencias do bairro.

 Oração pelos enfermos


Nessa visita, corte de cabelo ao irmão especial em sua residência

 Preparação do sopão.


Casal Fé e Ação na hora do Sopão

 Parte da equipe fé e ação.

 Nutricionista atende a população carente.


 Corte de cabelo...

 Cabeleireiras do projeto fé e ação  instalam salão feminino nas dependências da congregação.

 Antes e depois...





 Antes e depois...

 Bazar de roupas para todos da comunidade.

 Bazar de roupas e Calçados 


 Distribuição de sopão para todos do bairro.



 Sopa com pão.


 60 cestas básicas foram distribuídas a famílias carentes do bairro.







 Festa e diversão para criançada com muita musica e distribuição de lanches para todos.




 Foram distribuídos 100 picolés para toda criançada.


A irmã Vitória com delicioso picolé...Hummmm


 Aplicação de flúor para todos e distribuição de escovas de dente.









AGRADECIMENTOS;

"O pastor da congregação Moisés Targino e sua esposa Sheila Targino, agradecem a todos da equipe FÉ E AÇÃO  e irmãos da congregação envolvidos, pelo excelente e abençoado  trabalho desenvolvido, desejando de todo coração que todos sejam abençoados abundantemente pelo poder de Deus. 
Somente Deus poderá retribuir a cooperação e ajuda de todos que voluntariamente se envolveram no evento. 
Deus os ABENÇOE no Nome Santo de Jesus."



Fonte: ADNM/AltodaPelonia/ProjetoFéeAção